Home

O que é Storage Anexado à Rede (NAS)?

Updated on quarta-feira, 15 de novembro de 2023

iBoysoft author JoãoSilva

Written by

JoãoSilva
Professional tech editor

Approved by

Jessica Shee

Português English Français Deutsch やまと Español

Introdução completa ao armazenamento conectado em rede (NAS)

Resumo: Este artigo da iBoysoft oferece uma visão geral do armazenamento conectado em rede (NAS), abordando seus elementos constituintes, suas aplicações práticas e as vantagens que oferece. Também ajuda na escolha do NAS mais adequado às suas necessidades.

resumo para armazenamento conectado em rede

Quando você precisa armazenar ou fazer backup de algo importante e precisa de um dispositivo para isso, você pode ter ouvido falar do Armazenamento Conectado em Rede (ou NAS). Mas pode parecer muito desconhecido o que é e o que pode fazer pela nossa vida e trabalho diários.

Se você tem dúvidas do tipo "Como funciona o NAS?" ou "Para que serve um disco rígido NAS?", continue lendo e encontrará as respostas.

Índice:

O que é Armazenamento Conectado em Rede?

NAS, abreviação de Armazenamento Conectado em Rede, uma parte principal do armazenamento em nuvem, é uma solução de armazenamento versátil e econômica que está se tornando cada vez mais popular tanto em residências quanto em empresas. Em termos simples, é um dispositivo conectado à rede com a função de armazenar dados, também conhecido como "armazenamento em rede".

O Armazenamento Conectado em Rede permite que usuários e dispositivos clientes, sejam Mac ou Windows, acessem dados armazenados em um disco centralizado, facilitando o armazenamento e gerenciamento de dados em diferentes plataformas de forma conveniente e integrada.

Aqui será fornecida uma visão geral dos componentes, do uso e dos benefícios na vida real.

Os componentes do NAS

Um dispositivo de Armazenamento Conectado em Rede é um servidor de armazenamento dedicado, cada NAS normalmente inclui essas partes principais:

  1. 1. Hardware: O NAS é tipicamente equipado com uma unidade central de processamento (CPU), RAM e um ou mais discos rígidos. Alguns NASs podem conectar outro dispositivo NAS ou um disco rígido externo. Eles trabalham juntos para executar o sistema operacional do NAS, gerenciar operações de leitura e gravação de dados no armazenamento e permitir o acesso do usuário.
  2.  

2. Software: O NAS vem com sistemas operacionais integrados que permitem aos usuários configurar e gerenciar o armazenamento, as permissões de acesso e os usuários. Os sistemas operacionais comuns para NAS incluem o QTS da QNAP e o DiskStation Manager da Synology.

3. Compartilhamento de Dados: Os usuários podem se conectar ao seu NAS usando diversos protocolos (TCP ou IPs) ou mesmo por meio de interfaces baseadas na web, alcançando compartilhamento e administração de arquivos sem esforço com a interface de rede.

O Uso do NAS

Compartilhar alguns arquivos com outras pessoas é simples. Mas quando se trata de gerenciar quantidades substanciais de arquivos de mídia em streaming, a demanda aumenta para discos de maior capacidade e capacidades de processamento de rede mais robustas.

Em uma casa ou empresa, usar o NAS será uma boa opção para fazer essas coisas:

  1. Backup de Dados: O NAS serve como uma excelente solução de backup para arquivos importantes, garantindo a integridade dos dados e fácil recuperação.
  2. Compartilhamento de Arquivos: O NAS permite que os usuários acessem e compartilhem arquivos de um local centralizado, promovendo colaboração e conveniência.
  3. Streaming de Mídia: O NAS pode armazenar e transmitir conteúdo de mídia como música, vídeos, fotos, etc.
  4. Gerenciamento de Alta Segurança: O NAS pode criar, testar e desenvolver um site pessoal e usar uma matriz NAS para arquivar a recuperação de desastres.

Os Benefícios do NAS

O NAS está ganhando popularidade entre empresas e famílias devido à sua relação custo-benefício, escalabilidade e eficiência. Todos esses elementos podem alcançar colaboração perfeita e acesso constante aos dados. Aqui estão algumas vantagens do Storage Anexado em Rede.

  1. Fácil de Usar: O processo de configuração e gerenciamento do Storage Anexado em Rede é mais simples com seus sistemas operacionais pré-instalados otimizados.
  2. Velocidade: Como um dispositivo conectado localmente, o NAS é bom para armazenar, transferir e fazer backup de arquivos rapidamente.
  3. Controle: Ao utilizar o NAS, você pode manter o controle total sobre o acesso aos dados sem depender de serviços de armazenamento de terceiros. E os usuários podem acessar os dados de qualquer lugar.

Agora você pode saber a resposta para "O que é um NAS?" e "O que um NAS pode fazer por você?", deixe que outros interessados em armazenamento anexado em rede encontrem ajuda aqui!

 

Como escolher o melhor Storage Anexado em Rede?

como escolher o melhor NAS

O Storage Anexado em Rede pode desempenhar um grande papel no gerenciamento e armazenamento de seus arquivos, então escolher um bom NAS parece essencial. Além de considerar preços, você deve considerar os diversos fatores abaixo:

  • Capacidade de armazenamento: Determine suas necessidades de armazenamento e escolha um NAS com capacidade suficiente.
  • Acesso remoto: Verifique as capacidades de acesso remoto se você precisar acessar seu NAS de fora da sua rede.
  • Desempenho: Selecione um NAS com poder de processamento e RAM suficientes para suas necessidades.
  • Segurança: Verifique se o NAS pode fornecer criptografia de dados nativa e controle de acesso à rede forte.

Esperamos que você possa encontrar o Network Attached Storage de sua escolha com as sugestões acima! E compartilhe sua alegria com os outros.

 

 

A

Primeiro, clique em Ir e escolha Conectar ao Servidor, em seguida, digite o endereço IP do seu NAS e clique em Conectar. Em seguida, selecione a pasta que deseja conectar e clique em OK.

A

NAS significa storage anexado à rede e SAN significa storage area network. Ambos podem resolver o armazenamento de dados disponível para os usuários. Mas o modo como eles alcançam isso é diferente.

A

O NAS é mais adequado para o armazenamento de dados em tempo real, enquanto o armazenamento em nuvem é melhor para armazenar dados de tamanho pequeno ou altamente sensíveis.